Reflexões em 2 Coríntios – Grande Tribulação | Pastor Sérgio Fernandes.

113

2 Coríntios 1:8 – Porque não queremos, irmãos, que ignoreis a tribulação que nos sobreveio na Ásia, pois que fomos sobremaneira agravados mais do que podíamos suportar, de modo tal que até da vida desesperamos.

Paulo compartilha com os irmãos a grande aflição que sofreu quando esteve na Ásia (vv.08). Segundo ele afirma, foi “agravado mais do que podia suportar, de tal modo que até da vida desesperamos”. A jornada do cristão, muito embora passe por pastos verdejantes e águas tranquilas, também reserva passagens pelo vale da sombra da morte (Sl 23.4). Não podemos ignorar que o dia mau pode vir para todos; veio para Paulo apóstolo, pode vir para mim e para você.

Paulo observou que aquela aflição possuía uma finalidade pedagógica: “para que não confiássemos em nós, mas em Deus, que ressuscita os mortos” (vv.09). Cada tribulação mostra nossa impotência e a potência de Deus. Nós faz perceber a brevidade dessa vida e acende em nosso coração a chama da esperança cristã, que reside na ressurreição. Ainda que tombemos na batalha, naquele dia de luz, Ele trará de volta a vida aqueles que morreram na fé. Quem crê em Cristo, ainda que morra, viverá. Nossa esperança é viva, Canaã está logo ali! Fonte: Amor Em Cristo