Homem que teve pedra de 1,3kg na bexiga disse que viveu por um milagre

7

O lavrador Manoel Ferreira da Silva, de 51 anos, morador da zona rural de Miguel Calmon, na Bahia, passou incríveis 15 anos da sua vida sentindo dores provocadas, provavelmente, por uma pedra formada por cálcio e sódio em sua bexiga.

Ao longo desses anos ela cresceu tanto que se tornou o maior cálculo renal já retirado de um ser humano no mundo, medindo 18 centímetros de tamanho e pesando 1,3 quilos.

Só na última segunda-feira (20), após já não conseguir mais conter sua urina e começar a ter problemas em seus rins, além das fortes dores provocadas pela pedra, Manoel foi submetido a uma cirurgia, depois de procurar ajuda médica há pouco mais de uma semana.

“Não passou pela minha cabeça isso. Doía e eu pensava que era menor”, disse o lavrador, que após ver o tamanho da pedra (chamado de cálculo) retirado do seu corpo acredita ter conseguido sobreviver ao longo de desses anos por um milagre divino.

“Um milagre de Deus. Primeiramente de Deus e, segundo, o doutor. Nunca me faltou fé, até hoje não, graças a Deus”, destacou Manoel.

Segundo Everson Matt, diretor médico do Hospital Antônio Teixeira Sobrinho, onde foi realizada a cirurgia para a retirada da pedra da bexiga de Manoel, esse é o maior cálculo já registrado na medicina. 

“A segunda pedra maior do mundo foi registrada nos Estados Unidos. Ela tinha 12 cm, porém apenas 700 gramas”. disse ele, segundo informações do R7. “Ele não sentia mais o estímulo de urinar. Ela saía de forma contínua. O bloqueio da pedra já tinha dilatado seus rins, que estavam sobrecarregados e paticamente parados”.

O material coletado agora será alvo de pesquisa e Manoel muito provavelmente irá se tornar caso de estudo.

“A pedra retirada é provavelmente composta de cálcio e sódio. Vamos solicitar ao paciente que nos forneça o cálculo para que seja estudado e se torne tema de artigo científico”, conclui o médico.

 



Fonte: Gospel Mais