A coroa e a cruz: o Cristo sofredor e o Messias vencedor

37

“há de vir o messias, chamado cristo; quando ele vier, nos anunciará todas as coisas João 4.24

Introdução: A cruz e a coroa são símbolos do Cristo sofredor e do Messias vencedor. Quando Jesus veio ao mundo todos esperavam um Messias que fosse um libertador, guerreiro e valente que derrotasse todos os inimigos do povo de Deus. Quando surge um profeta, carpinteiro, humilde e que morreu numa cruz, muitos não conseguiram entender. Mas quando falamos do Messias vencedor e do Cristo sofredor estamos falando da mesma pessoa: Jesus.
As palavras Messias (hebraico1 = מָשִׁיחַ)  e Cristo (gregoΧριστός), são sinônimas e significam ‘ungido’ (João 1.41). A qualidade de alguém que tem a unção ou consagração para salvar o seu povo3. O termo messias ou ungido era usado como substantivo tanto para sumo sacerdotes (Levíticos 4.3, 5, 16; 6.22), profetas (I Reis 19.16), patriarcas (Salmo 105.15), reis (I Samuel 26.9, 11, 16, 23), como também adjetivo de alguém com carisma especial de libertador, quer seja um líder do povo e principalmente um rei.

Jesus é o seu Rei?

Vamos refletir sobre as expressões Cristo e Messias com seus significados nas Escrituras e os símbolos da coroa e da cruz:



1- A COROA do Messias vencedor:

Jesus
Cristo é o Messias!

2- A CRUZ do Cristo Sofredor:

Jesus Cristo é o Messias!

A coroa de Cristo foi encravada em sua
cabeça e levou a sua cruz, mas depois de sua ressurreição saiu vitorioso como
Rei e Senhor para todo o sempre. Se Jesus é o ungido de Deus, então Ele é o Messias, o Cristo que veio para nos salvar. O anticristo nega que Jesus é o Messias e o Cristo, mas nós o confessamos como Senhor (
I João 4.1-5).

Jesus
Cristo é o Messias!



Fonte: Esboçosermão