Após a morte do marido, Flordelis gastou R$ 200 mil com publicidade

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Desde a morte do pastor Anderson do Carmo, na madruga de 16 de junho de 2019, numa emboscada que agora se sabe houve a participação de filhos adotivos e biológicos de sua esposa, a deputada federal Flordelis (PSD-RJ) a parlamentar gastou R$ 196.832,94 (Cento e noventa e seis mil, oitocentos e trinta e dois reais e noventa e quatro centavos), especificamente com Divulgação da Atividade Parlamentar.

O levantamento foi feito pelo núcleo de dados do O Fuxico Gospel, tendo como base as informações oficiais do Portal da Transparência da Câmara dos Deputados.

Os valores são referentes apenas aos meses que sucedem o mês de junho de 2019, quando o pastor foi brutalmente assassinado, e podem representar o uso da máquina pública para financiar uma tentativa de limpar a imagem da deputada, frente ao público evangélico.

Nos meses seguintes a morte de Anderson, entre junho e dezembro, foi a empresa FACTOTUM & FACTOTUM ASSESSORIA LTDA, inscrita no CNPJ: 03.262.796/0001-49 e com sede na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, quem foi responsável por divulgar as atividades parlamentares da deputada.

A empresa recebeu durante os seis meses, um total de R$ 71.710,32 (Setenta e um mil, setecentos e dez reais e trinta e dois centavos). Foram R$ 11.951,72 pagos mensalmente.

As Notas Fiscais apontam que o serviço prestado pela empresa à parlamentar, é referente ao serviço de; Assessoria de imprensa, produção de material para divulgação do mandato e gestão de mídias sociais. Facebook, Instagram, Youtube e Twitter: Flordelismk

2019

  • Junho – R$ 11.951,72
  • Julho – R$11.951,72
  • Agosto – R$ 11.951,72
  • Setembro – R$11.951,72
  • Outubro – R$ 11.951,72
  • Novembro – R$ 11.951,72
  • Dezembro – R$ 11.951,72

A partir de janeiro de 2020, a empresa Factotum & Factotum saiu de cena, e em janeiro, quem recebeu pela prestação de serviço de publicidade da parlamentar foi a gráfica Duplifolha. Flordelis gastou R$14.760,00, em 24.600 folder’s informativos.

Em fevereiro não houve qualquer gasto com atividade parlamentar, porém, em março, entra em cena a empresa G3 PROPAGANDA E MARKETING LTDA EPP. A G3 assumiu as redes sociais de Flordelis e entre março e setembro de 2020, recebeu mensalidades de R$ 10.900,00. Esse valor aumentou em outubro e novembro, para R$ 16.900,00.

2020

  • Janeiro – R$ 14.760,00
  • Março – R$ 10.900,00
  • Abril – R$ 10.900,00
  • Maio – R$ 10.900,00
  • Junho – R$ 10.900,00
  • Julho – R$ 10.900,00
  • Agosto – R$ 10.900,00
  • Setembro – R$ 10.900,00
  • Outubro – R$ 16.900,00
  • Novembro – R$ 16.500,00

Se não tiver o mandato cassado em uma eventual condenação, Flordelis poderá seguir por mais dois anos no cargo de deputada federal.

Anderson do Carmo



Fonte: Fuxico Gospel

Administrador

Administrador

Deixe sua mensagem

ouça a melhor rádio do brasil no seu celular

Portal de comunicação com foco na informação e divulgação de costumes cristãos

Copyright 2021 © Gospel Planet