Cantor Eduardo Costa emociona a todos ao cantar música gospel em programa de TV e faz revelação surpreendente

Alisson e Neide, Rayssa e Ravel

O compositor e cantor secular Eduardo Costa, participou, nesse domingo (30), do programa “Domingo Legal” apresentado por Celso Portiolli. O artista foi convidado para participar de um quadro chamado “Retrospectiva Legal”.

Eduardo, antes de começar o quadro, estava conversando com o apresentador do programa do SBT, e o mesmo lhe perguntou sobre “o que não pode faltar na ceia da virada do ano do Eduardo Costa?”. Ao responder a pergunta, o sertanejo diz que ele é muito simples, e muito pobre para comida. Ele continuou dizendo que, peru, frango assado e arroz com passas são indispensáveis.

+ Aline Barros quebra a “internet” com foto na praia e post arrepiante

Entretanto, ele classificou como mais importante, o momento da oração e da reflexão. O cantor afirmou que cresceu em um lar muito religioso, então, ele falou que separa um momento para cultuar a Deus nessas datas (natal e ano novo).

“Nós temos um costume na nossa casa, que nessas datas de natal e virada de ano, nós temos o costume de passar orando, porque muita gente faz muita festa, se embriaga, bebe muito… Eu só bebo depois de uma hora da manhã, aí eu encho a cara, mas até esse horário eu não bebo, pois é um momento de cultuar a Deus”

+ Cantora gospel Priscilla Alcantara participa de programa de televisão e faz o improvável

Ele emocionou a todos ao cantar uma música de Armando Filho, e aproveitou para relembrar sobre um novo projeto gospel. Há quem diga que se o projeto bombar, o cantor provavelmente deixará o meio secular.

confira na íntegra o vídeo da participação do cantor no programa Domingo Legal:

Alisson e Neide, Rayssa e Ravel; as duplas gospel que acabaram em 2018

Alisson e Neide, Rayssa e Ravel

2018 não foi um bom ano para a música gospel. Vários artistas populares dentro do cenário, foram acometidos de doenças graves, outros acabaram falecendo, e ainda tiveram os que se suicidaram.

Além disso, em 2018, poucos lançamentos viraram hit, até mesmo os lançamentos de artistas mais famosos simplesmente não emplacaram.

Uma outra situação que abalou o mercado, foi a separação de duas duplas de cantores gospel que pegou muita gente de surpresa.

Em julho deste ano, a dupla Rayssa e Ravel comunicou oficialmente que seguiriam em carreira solo, e já anunciaram os lançamentos de seus respectivos discos pela gravadora Graça Music.

O caso surpreendeu também pelo tempo em que a dupla atuava, os irmãos decidiram se separar após  24 anos de carreira.

Atualmente, a decisão parece não ter sido muito positiva para Ravel, que ao contrário da irmã, teve de baixar bastante o valor do cachê, e só se apresenta em pequenas igrejas.

Uma outra dupla que assustou o mundo gospel ao comunicar a separação, foi Alisson e Neide. Tia e sobrinho, comunicaram a separação apenas para 2019, mas isso parece que não deu certo e eles já seguem separados e com agendas distintas.

Em ambos os casos, as duplas eram formadas por pessoas da mesma família. o que esperar de 2019, einh?



Fonte: Fuxico Gospel