Cantora gospel e o namorado são assassinados dentro de casa

Um crime bárbaro chocou os moradores da cidade de Guarapari (ES), no bairro de santa mônica, na manhã deste domingo (27).

A cantora gospel Maria da Conceição Bispo dos Santos, de 35 anos, conhecida pelo nome artístico de Ceissa Moreno, e Jussie Almeida de Moraes, também de 35 anos, foram mortos dentro de casa, e a suspeita e de que o crime foi cometido pelo ex-marido da cantora.

Segundo informações o suspeito teria invadido a residência por volta das 5h30 da manhã e efetuou os disparos contra o casal, fugindo logo em seguida pelos fundos da casa.

O crime foi presenciado pelos dois filhos de Ceissa com o assassino, uma adolescente de 17 anos, e uma criança de 2, que gritaram e pediram ajuda aos vizinhos:“Eu estava dormindo e acordei com a minha mãe me chamando do desespero falando que ele (ex-marido) estava la em casa. quando ele foi pra atirar, atirou no moço e saiu para ir embora. Aí voltou e atirou na minhã mãe. Eu não sabia o que fazer, foi a esposa do nosso vizinho que ligou pra polícia”, disse a jovem em entrevista a um portal de notícias local.

+ Marco Feliciano fala o que pensa sobre renúncia do deputado Jean Wyllys

Ceissa Moreno já estava divorciada há cerca de tês anos e, segundo a família, tinha uma medida preventiva contra o ex-marido por já ter recebido ameaças.

O caso segue sob sigilo, e outras informações não foram passadas para não atrapalhar as investigações. Os filhos da cantora agora irão morar com uma tia, em Vila Velha.

+ Milagre: Câncer de Beto Barbosa desaparece após orações

Vídeo: Padre diz que “Pobre é uma raça miserável” e assusta católicos

Padre faz desabafo e humilha pobres

Padre faz desabafo e humilha pobres

O video de um padre católico afirmando que o pobre é uma raça miserável, está repercutindo  no país, desde que veio à tona durante essa semana.

Na imagem, o padre Givaldo Rocha de Santana, da cidade de Santana do Mundaú, município na Zona da Mata de Alagoas, aparece desabafando no palco montado na praça de eventos da cidade.

No evento em que o padre comete a gafe, a cidade comemora a festa da padroeira do município, Santa Ana.

+ Tragédia: Filha de pastor morre soterrada enquanto brincava ao lado da igreja

A motivação de tamanha revolta, teria sido causada pelo fato de um grupo de populares terem deixado carros e barracas na principal avenida da cidade, por onde a procissão passaria.

Isso teria atrapalhado a procissão, e tirado a paciência do padre Givaldo. “Pense numa raça miserável, é pobre”, disse o padre. Assista o vídeo:



Fonte: Fuxico Gospel