Casal de idosos é ameaçado de ser despejado por promover estudos bíblicos, nos EUA

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Um casal de idosos foi ameaçado de ser despejado por promover um estudo bíblico no condomínio onde moram, em Virgínia, nos Estados Unidos.

Em julho, Kenneth e Liv Hauge foram informados pela Evergreens, um condomínio de casas para idosos, que deveriam suspender seu estudo bíblico ou serem despejados até 31 de agosto.

A organização jurídica First Liberty Institute enviou uma carta ao advogado da Evergreens na última quinta-feira (16) exigindo que os idosos possam continuar seu estudo da Bíblia e argumentando que o pedido é contra a Lei de Habitação Justa.

“Expulsar moradores idosos de sua casa por realizarem um estudo bíblico não é apenas revoltante, é ilegal”, disse Lea Patterson, consultora associada da First Liberty. “É assustador que uma empresa use a ameaça de despejo para impedir que os residentes se reúnam para discutir qualquer questão, muito menos a sua fé”.

Kenneth, um pastor luterano aposentado que mora no Evergreens com sua esposa desde janeiro de 2017, começou a realizar um estudo bíblico nas noites de quarta-feira em uma sala comunitária do condomínio.

Em 23 de julho, o casal recebeu uma carta de aviso para “cessar a inadimplência ou sair” de da propriedade. De acordo com o comunicado, o estudo bíblico “causou distúrbios sérios e consideráveis com outros moradores da comunidade”.

O aviso ainda alegava que o estudo semanal estava “operando um negócio não autorizado” e “interferindo no uso de outras instalações da comunidade”. Para amenizar a incoerência do aviso de despejo, a carta dizia que a empresa não era contra as crenças do casal e não pedia que eles deixassem de “praticar sua religião”.



Fonte: Guia me

Deixe sua mensagem

CENTENAS DE RÁDIOS DE TODO BRASIL NO SEU CELULAR

Portal de comunicação com foco na informação e divulgação de costumes cristãos

Copyright 2021 © Gospel Planet