Com apenas 11 anos, gênio da pintura realista atribui sucesso a Deus

O talento do pequeno Waris Kareem Olamilekan, que completará 12 anos de idade no próximo dia 14 de março, é uma das provas mais contundentes do que muitos profissionais chamam de “dom”, algo que o jovem, natural de Lagos, na Nigéria, reconhece ser fruto direto de Deus.

“Eu comecei a desenhar a partir dos seis anos de idade”, afirmou ele em uma conversa com dois jovens artistas americanos. “Comecei desenhando charges, ilustrações e quadrinhos. Mas comecei a desenhar profissionalmente aos 8 anos, quando conheci a escola vocacional Ayowole Art.”.

O ingresso na escola de Ayowole Art, no entanto, serviu apenas para aperfeiçoar uma habilidade que “Waspa”, como é conhecido popularmente e como assina seu trabalho, já nasceu com ela, visto que desde muito pequeno já desenhava imagens impressionantes, sem que nunca tivesse aprendido técnicas para isso.

Waspa se especializou em desenhos hiper-realistas. Ou seja, são imagens que procuram reproduzir com o máximo de fidelidade a vida real, mas feitas 100% à mão, chegando a parecer com fotografias.

Desenho hiper-realista de Kareem Waris Olamilekan

 

Nascido em um lar muito pobre e passando necessidades com sua família, o garoto conseguiu dar um meio de vida melhor para seus pais após ganhar fama internacional.

Apesar de já ter sido entrevistado por grandes mídias locais, na Nigéria, Waspa ficou internacionalmente conhecido depois de chamar atenção do presidente francês, Emmanual Macron, o que lhe rendeu o apoio financeiro de um banco nigeriano e a doação de um apartamento para sua família.

Cristão, Waspa atribui ao Senhor o seu dom. “Agradeço a Deus por quem eu sou hoje”, disse ele. “Agradeço a Deus Todo-Poderoso por Sua misericórdia e graça. Para sempre continuarei te louvando. Minha família e eu agora nos mudamos para nossa nova casa”.

O dom de Waspa é tão diferenciado que colegas na escola de arte acreditam que ele pode ser comparado, no futuro, aos maiores pintores da história, segundo informações da God TV.

“Costumávamos dizer a ele para não se enxergar como um artista de beira de estrada. Acredite que você pode ter um nome como Michelangelo, ou [Leonardo] da Vinci. Eu o vejo como o da Vinci da Nigéria, do nosso tempo!”, disse Adeniyi Adewole, coleta de Waspa.



Fonte: Gospel Mais