Na manhã deste sábado (6), realizou-se o Encontro de Mulheres da Expoevangélica 2019, contando com momentos de louvor, o testemunho impactante da cantora Neya Fernandes e também uma mensagem bíblica. A pregação ficou por conta da pastora e missionária Ivna Medeiros, que levou uma palavra de ânimo às que estiveram presente no evento.

Baseando-se na passagem de Gênesis, capítulo 16, a preletora lançou um olhar sobre a história de Sarah, Abraão e Hagar.

“Deus me deu esse tema, baseado justamente na condição em que diversas pessoas se encontram neste momento. Estamos vivendo um momento em que a violência tem sido algo frequente na vida das mulheres. Quanto mais as mulheres buscam por essa liberdade, mais elas são encarceradas”, afirmou.

Ivna lembrou que apesar de Sara ter como escrava dentro de sua tenda, ambas se tornaram amigas, devido à proximidade da rotina das atividades naquele ambiente.

“Naquele período, era comum as famílias terem escravos (as) em sua casa”, explicou a preletora. “A Bíblia conta que Sarai e Hagar ficaram amigas, próximas, porque Hagar ficava dentro da tenda. E nessa amizade Sarai, quando percebeu que era estéril, disse: ‘Mulher, eu não confio em ninguém para se deitar com o meu homem. A única pessoa em quem confio para se deitar com o meu marido é você”.

A mudança

Ivna usou a drástica mudança no modo como Sarah olhava para Hagar para chamar a atenção das mulheres presentes para seus próprios relacionamentos de amizades.

“Na ocasião em que o menino [Ismael] nasceu, Sarah mudou. As pessoas mudam. Tem gente que é um amor, mas depois é um amargor […] Nós acabamos confiando demais nas pessoas e depois ficamos reféns delas”, alertou.

Citando o trecho em que Hagar é expulsa das terras de Abraão, Ivna explicou que Hagar se viu desamparada em meio ao deserto, mas Deus usou aquele momento para falar ao coração da egípcia.

“Para voltar para o Egito, eles teriam que passar pelo deserto. Ela estava com o menino e andando deserto adentro. Dali a pouco a água se acabou, o menino começou a desfalecer e Hagar disse: ‘E agora, o que eu vou fazer? Será possível? Como eles me deram a minha liberdade para me matar aqui nesse deserto?’. Ela colocou o menino debaixo do zimbro, se assentou em uma pedra e chorou: ‘é injustiça!’. Mas a Bíblia fala que na presença dela se apresentou o Anjo do Senhor”, contou. “É em meio aos problemas que surgem os propósitos”.

Propósitos em momentos inusitados

Falando com exclusividade ao Guiame, Ivna reconheceu que pode não ser fácil reconhecer o propósito existente na adversidade que Deus permite o ser humano enfrentar. Mas destacou que o conhecimento da Palavra é que dá forças e discernimento para não esmorecer.

“O grande problema de muitas pessoas, infelizmente, é desconhecer as Escrituras. A Bíblia fala: ‘Erreis em não conhecer as Escrituras, porque nelas está o poder de Deus’. Quando nós desconhecemos as Escrituras, que alavancam esse horizonte de possibilidades, realmente para nós fica obscuro”, afirmou.

“Mas normalmente, quando nós conhecemos a Palavra e percebemos algumas adversidades, nós conseguimos enxergar que há um propósito em tudo isso para o cumprimento de uma Palavra que já nos foi dita no passado”, acrescentou. “É na adversidade que se criarão situações para que os propósitos de Deus se cumpram”

Fonte: Guia-me

Aplicativo Resenha no Radio

Rádio, Versículo do Dia, Promoções, Enquetes, prêmios e muito mais.

gosta de ouvir rádios? app grátis

Copyright 2019 © Gospel Planet