“Ele me livrou da escravidão do meu vício”, diz ex-traficante após se entregar a Jesus

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Como muitos dependentes químicos, Darrick Nakata achou que não ficaria viciado quando fumou pela primeira vez um cigarro de maconha, ainda no colegial em Honolulu, no Havaí. Mas como um abismo chama outro abismo, ele se viu aos poucos mergulhado não apenas no consumo de drogas, como também no comércio, se tornando um traficante.

“Eu lembro que no colégio eu ganhava 220 dólares por dia vendendo sacos de maconha”, disse ele, lembrando que depois não ficou só no uso e venda da cannabis sativa. Ele também começou a cheirar e vender cocaína.

“Os surfistas profissionais que vinham do Brasil, do Peru, todos esses caras, estavam trazendo cocaína e eu abastecia todas as boates com a droga. Eu vendia muito por noite e estava ganhando cerca de 35 mil dólares por semana vendendo cocaína”, explica.

O usuário de droga em dado momento sempre perde o controle. Ele quer que o mesmo efeito da droga se repita constantemente, mas como seu organismo se adapta e exige doses cada vez maiores, ele aumenta o consumo da droga, até que outras mais pesadas  e efeitos mais imediatos apareçam como opção.

A mesma coisa aconteceu com Darrick Nakata. Ele começou fumando maconha, depois cheirando cocaína e após um tempo, segundo o seu relato, também se tornou dependente de crack e heroína. Nakata havia chegado no fundo do abismo.

“Pude ver o desespero que eu estava passando por causa dessa droga. O tempo todo pensava em como poderia comprar mais e sentia escuridão na minha alma. Como se eu não fosse a mesma pessoa que eu era. Eu faria qualquer coisa para conseguir dinheiro e sustentar vício”, disse ele para a CBN News.

Uma chance dada por Deus

O desejo de Nakata era se libertar dos vícios, mas sozinho o jovem havaiano não tinha como. “Eu apenas clamei a Deus e disse: ‘Deus, se você puder quebrar minha corrente, eu lhe servirei pelo resto da minha vida’. Eu não tinha um relacionamento com Deus, mas eu estava implorando e fazendo um acordo com Ele”, lembra.

A resposta de Deus ao clamor de Nakata veio com uma prisão em flagrante por compra de heroína. Detido por dois meses, ele foi obrigado a ficar longe das drogas, o que lhe deu a chance de analisar a sua vida com mais sobriedade. “Isso me desintoxicou. Eles me deram remédio para tirar as drogas de mim”, conta.

O que faltava para Nakata era a certeza de que Deus estava querendo preencher a sua vida por completo. Ele tinha essa noção, mas ainda duvidava, até que morando nas ruas após sair da prisão, ele estava com fome e fez uma oração pedindo ajuda ao Senhor.

“Eu clamei: ‘Deus, se você é real, traga um pouco de comida’. E eis que, 10 minutos depois, um casal estava andando em minha direção com panelas de alumínio”, disse ele. O casal havia acabado de se casar e decidiram doar os restos das comidas da cerimônia.

“Eu pensei: ‘Deus, você é real’. Foi aí que meu relacionamento com Ele se tornou real. Deus quebrou minhas correntes e foi aí que percebi que Ele cumpriu sua promessa. Ele me livrou da escravidão do meu vício”, conclui Nakata, que hoje auxilia em um ministério voltado para moradores de rua. Assista no vídeo abaixo:

Assine o Canal



Fonte: Gospel Mais

Deixe sua mensagem

CENTENAS DE RÁDIOS DE TODO BRASIL NO SEU CELULAR

Portal de comunicação com foco na informação e divulgação de costumes cristãos

Copyright 2021 © Gospel Planet