Conecte-se

Feliciano comemora fim de processo por suposto estupro: ‘Deus não falha’

O pastor Marco Feliciano (PODE-SP) divulgou um vídeo de seu discurso no Plenário da Câmara dos Deputados comentando a decisão da Justiça em arquivar o processo movido contra ele após as acusações de estupro feitas pela jornalista Patrícia Lélis.

O juiz Aimar Neres de Matos, da 4ª Vara Criminal de Brasília, determinou o arquivamento do processo por “crimes de estupro, lesões corporais, sequestro, cárcere privado, ameaça e corrupção de testemunha” na última quinta-feira, 13 de dezembro, por considerar que não haviam “elementos mínimos para a propositura de ação penal”.

“Em toda a minha vida, eu ouvi dizer que a Justiça de Deus tarda, mas não falha. Hoje eu estou aqui para afirmar que ela não falha e também não tarda. Ela tem seu tempo, que é o tempo de Deus”, disse o pastor.

“Minha fé caminha no Altíssimo […] aguardei pacientemente por dois anos. Quando Deus age, ele advoga com justiça e a bênção acontece, provando que quando um ungido do Senhor é atacado, uma legião de anjos é convocada e forma um escudo protetor e lhe dá a vitória”, acrescentou Feliciano, que também agradeceu aos irmãos na fé que oraram para que a verdade aparecesse.

No discurso, o pastor enfatizou sua confiança de que o desfecho seria esse, e agora, afirmou que irá mover um processo contra Patrícia Lélis: “Eu perdoo a moça, mas para que sirva de lição a lei a alcançará. Eu buscarei reparação civil, pois ela tocou naquilo que me é mais caro, que é a minha família e a minha honra. […] Deus está sempre do lado da verdade. O mal pode prevalecer por um tempo, mas o bem prevalece para sempre”, finalizou.

Na última semana, Patrícia Lélis concedeu uma entrevista ao jornal Folha de S. Paulo e reiterou suas acusações a Feliciano: “Meu lado continua sendo o mesmo, não sou louca ou afins como eles dizem, como também não sou a primeira. Apenas fui a primeira a denunciar”.



Fonte: Gospel Mais

Deixe sua mensagem