Idoso foi agredido por ativista enquanto orava em frente a clínica de aborto, nos EUA

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Um homem de 85 anos foi violentamente atacado enquanto participava de uma campanha de oração em frente a uma clínica de aborto da ‘Planned Parenthood’, em San Francisco, Califórnia (EUA), na semana passada e um vídeo desse momento acabou chocando a muitos na internet.

A organização ‘Life Legal Defense Foundation’ postou o vídeo no início desta semana no YouTube mostrando o idoso chamado Ron tentando impedir o roubo de uma bandeira pró-vida.

No vídeo de 23 segundos, Ron tenta impedir que um ativista pró-aborto roube a faixa exposta em frente à clínica pelo grupo da campanha contra o aborto ’40 Days for Life’ (’40 Dias pela Vida’), mas o homem se lança em direção a ele com sua bicicleta e diz: “Fique no chão, seu velho”, antes de chutá-lo repetidamente.

“A polícia de San Francisco está investigando o caso como um ataque. Ron disse que é a terceira vez em apenas uma semana que o mesmo homem assedia o grupo que está realizando a campanha e tenta roubar o cartaz”, informou a afiliada da NBC.

“O idoso estava participando de uma manifestação pacífica, uma campanha 40 Dias pela Vida, quando o agressor roubou a faixa da vítima e o espancou violentamente”, relatou a organização.

Segundo a ‘Life Legal Defense’, o mesmo agressou já havia atacado outro homem apenas dois dias antes.

“A Life Legal está representando a vítima idosa, que não quer falar porque agora teme por sua segurança. Estamos trabalhando de perto com o grupo organizador da campanha ’40 Days for Life’ para garantir que os manifestantes pró-vida em São Francisco e em todo o país sejam protegidos e que os perpetradores desse tipo de ato violento sejam levados à justiça”, afirmou a organização.

A clínica de aborto da ‘Planned Parenthood’, onde Ron foi atacado, afirmou que tem sua própria filmagem do incidente, mas se recusou a liberar o vídeo, segundo a ‘Life Legal’.

Shawn Carney, presidente da campanha ’40 Days for Life’, disse em comunicado divulgado na última segunda-feira (25), que considerou a imagem do ataque uma evidência que “a ideia de que São Francisco é tolerante é uma piada”.

“Acreditamos que todas as pessoas devem ser tratadas com bondade, amor e respeito, mesmo aqueles dos quais podemos discordar”, disse Carney.

“Dito isso, nos últimos meses, vimos um aumento na violência de apoiadores do aborto em um esforço para impor o medo e deter nossos voluntários cumpridores da lei”.

Em outubro passado, um ativista pró-vida de 65 anos chamado Joe Alger também foi agredido fisicamente enquanto orava fora de uma clínica da Planned Parenthood em Naples, Flórida, e teve que ser levado para um hospital.

Enquanto um homem suspeito de cometer o ataque foi levado em custódia, Alger se recusou a apresentar queixa, afirmando na época que era uma “situação dolorosa” e eu não a tornaria pior do que já estava.

Confira abaixo o vídeo publicado pela ‘Legal Life Defense’:



Fonte: Guia me

Deixe sua mensagem

CENTENAS DE RÁDIOS DE TODO BRASIL NO SEU CELULAR

Portal de comunicação com foco na informação e divulgação de costumes cristãos

Copyright 2021 © Gospel Planet