Justiça apresenta sentença e revolta internautas

Bianca Toledo (reprodução)

A ex-cantora gospel Bianca Toledo, foi inocentada no processo 0040957-37.2016.8.19.0209, em que foi acusada de causar dano moral e material, à Mônica Santina Pereira Buonfiglio, autora do livro “A magia dos Anjos Cabalísticos”.

Na tentativa de atestar que o seu então marido, Felipe Heiderich, era satanista, Bianca Toledo publicou em 19.07.2016, uma foto do livro “A magia dos Anjos Cabalísticos”, a fim de convencer seus internautas.

A foto ficou em sua conta no Facebook por cerca de 5 minutos, mas foi o suficiente para que Mônica se sentisse lesada com a associação da sua obra, a um caso tão polêmico.

Na época, Bianca acusava Felipe de haver molestado seu filho, e isso se tornou o assunto do momento em todos os veículos de comunicação, gospel ou secular.

Com a publicação da capa do livro e a associação com a polêmica vivida na época, a autora alegou ter perdido agendas para palestras, as vendas de livros caíram e ele diz ter tido um enorme prejuízo com isso.

+ Bianca Toledo casa em segredo quase dois anos após escândalo

No entanto, apesar de toda a argumentação, o juiz Wladimir Hungria, inocentou Bianca Toledo das acusações, alegando não haver subsídios para que a artista gospel seja punida.

“O fato da Ré veicular a foto da obra da autora em rede social não se mostra capaz,
por si só, de configurar ato ilícito e gerar dano material ou moral, uma vez que não evidenciado
conteúdo discriminatório, ofensivo ou vexatório em relação à Autora. A publicação apenas
menciona que o livro foi encontrado entre os objetos do ex-cônjuge da Ré” Disse o juiz.

O juiz ainda condenou a autora, a pagar as custas processuais:

Condeno a parte autora a pagar as custas processuais e honorários advocatícios que fixo em 10%
do valor da causa.

Com a decisão, Bianca Toledo é inocentada nesse caso, mas a autora ainda pode recorrer da decisão.



Fonte: Fuxico Gospel