Ladrões invadem culto e roubam fiéis; Câmeras flagraram ação

Na última semana, uma igreja evangélica na zona leste de São Paulo foi assaltada por dois ladrões que entraram no culto, armados, e levaram os pertences dos fiéis, além de valores que seriam ofertados.

As câmeras de segurança do templo flagraram o momento em a dupla de marginais armados invadiram o culto. A igreja fica no bairro Cidade Tiradentes, no extremo leste da capital paulista.

De acordo com informações do telejornal Balanço Geral, da Record TV, as vítimas relataram que os criminosos fizeram ameaças durante todo o período em que ficaram na igreja, usando facões para intimidar os fiéis.

A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar se outras pessoas participaram do assalto, já que nas imagens, o bandido que ficou de guarda na porta do templo parecia conversar com um terceiro.

Assine o Canal

Casos recorrentes

Em 2015, um assalto a uma igreja evangélica na cidade de Sumaré, interior de São Paulo, durante um culto, terminou com a morte do criminoso na porta do templo.

O rapaz invadiu a igreja durante o culto dominical e anunciou o assalto. Ao pedir dinheiro e objetos, ele ameaçou os fiéis e chegou a agredir uma fiel com uma coronhada. O filho da vítima, inconformado, partiu para cima do assaltante e terminou sendo alvejado na barriga.

No total, o assalto levou cerca de 30 minutos, período em que o rapaz reiterava as ameaças exigindo mais dinheiro. As testemunhas afirmaram à reportagem da EPTV que ele portava uma pistola 765.

O marido da fiel que foi agredida com uma coronhada, o pedreiro Luiz Roberto Augusto, conseguiu correr até a calçada e pedir socorro para uma viatura da Polícia Militar que passava pelo local no momento.

Os policiais foram ao templo e deram voz de prisão ao assaltante, que reagiu e atirou contra os PMs. Na troca de tiros, o criminoso foi atingido duas vezes no abdômen e morreu no local. Com o assaltante, os policiais encontraram três celulares, três relógios e R$ 140,00.

Em 2018, no último culto do ano, dia 31 de dezembro, um assalto a uma das filiais da Igreja Universal do Reino de Deus também terminou com mortes: dois dos suspeitos faleceram na troca de tiros com a polícia.

Os ladrões invadiram o templo na cidade de Capão da Canoa, no litoral do Rio Grande do Sul, durante o momento da reunião dos fiéis. Quando terminaram a ação, usaram um veículo Celta, prata, para a fuga, e foram vistos por uma viatura da Brigada Militar.

Segundo informações do jornal Zero Hora, os policiais notaram a situação suspeita e iniciaram uma perseguição, com troca de tiros. Os ladrões tomaram uma estrada regional, em direção à cidade de Capão Novo, e na altura do KM 34, os policiais conseguiram atingir os três suspeitos. Dois morreram no loca, e um foi socorrido.

 



Fonte: Gospel Mais