Líder pede para igreja doar ofertas à mulher carente e comove a internet

Uma cerimônia religiosa da Igreja Adventista ocorrida em setembro do ano passado voltou a ganhar repercussão nas redes sociais estes dias, devido à maneira como uma mulher necessitada foi tratada por Rafael Santos, líder da denominação.

Tocado pela história da mulher, identificada como Marinalva, ele resolveu pedir aos fieis que fizessem doação para ela, visando suprir suas necessidades urgentes. Rafael advertiu a igreja, sugerindo que não haveria sentido na cerimônia a Deus se os membros não atendessem a esse apelo.

“A comida que essa mulher tem em casa não vai dar para uma semana. Eu vi a geladeira dela. O aluguel dessa mulher está atrasado. Essa mulher está desempregada. Aí eu te pergunto: nós vamos terminar esse sermão, vamos embora, e essa mulher vai passar fome com os três filhos?”, questionou.

Marinalva participou da Semana de Oração Universitária, realizada na igreja do Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP), onde decidiu mudar de vida. Apesar de não congregar na igreja liderada por Rafael, ela foi gentilmente acolhida pelos membros, muitos dos quais saíram dos seus lugares para abraçá-la.

Rafael ressaltou algo vital para o entendimento da congregação, que é a necessidade de prestar auxílio de forma imediata, especialmente em situações de urgência, ao invés de protelar e com isso terminar não fazendo nada contundente em prol do próximo.

“Não tem esse negócio de ‘quem sabe um dia’. Nós vamos ajudar aqui e agora. Pode ser com um centavo, um real, dez reais, mas essa mulher vai levar alimento para a casa dela”, disse ele, segundo o Guiame. “Temos que parar com esse negócio de falar e não fazer nada”.

“Que Evangelho é esse que não ajuda uma mulher? Duas mil pessoas não conseguem ajudar uma mulher? Se não ajudar, então fecha tudo. Se uma mulher dessa passa fome, Deus sente fome. A Bíblia diz que quando ajudamos um desses pequeninos, estamos ajudando a Deus”, advertiu.

 



Fonte: Gospel Mais