A ex-senadora e ministra do governo Lula, Marina Silva, não esperou os quatros anos para reaparecer. Um ano e meio depois da eleição presidencial, ela reaparece para criticar o governo em meio a crise mundial provocada pelo coronavírus.

Marina criticou o pronunciamento que o presidente fez na última terça-feira (24), pedindo o fim do isolamento em massa. A ex-ministra disse que Bolsonaro “desautorizou o seu ministro de Saúde” ao pedir que a população possa voltar ao trabalho, afirmando que o presidente precisa ser colocado em “isolamento político”.

+ Devastador e mortal, coronavírus infecta mais um pastor

“O ministro da Saúde terá que fazer uma escolha: continuar honrando seu diploma de médico ou ceder às chantagens do presidente Jair Bolsonaro, com suas ideias irresponsáveis, autoritárias e suicidas”, disse Marina Silva. “[Ele] tripudiou de todos aqueles que já perderam familiares e principalmente dos médicos, médicas, enfermeiros e enfermeiras que estão arriscando suas vidas para poder cuidar da nossa saúde”, completou.

Vale resaltar que Marina sempre é criticada por aparecer apenas durante o período de eleição, e apontada pelos opositores por aparecer quando surge uma oportunidade de criticar os seus adversários.



Fonte: Fuxico Gospel

Radios Online de todo Brasil totalmente grátis!

Musicas, Pregações 24 horas, Mensagens, Prêmios e Muito mais…
Rádios separadas por estado, idiomas e você ainda pode selecionar as suas favoritas.

Instale agora

QUE TAL APRENDER SE DIVERTINDO GRÁTIS ???

Copyright 2019 © Gospel Planet