Conecte-se

Médico conta como o tumor cerebral de um garoto impactou sua fé: “Deus é um cirurgião”

O secretário do Departamento de Habitação e Desenvolvimento Urbano (HUD) dos EUA, Ben Carson, já foi um dos neurocirurgiões mais famosos do mundo, salvando a vida de crianças com condições de saúde complexas e mortais. Com a fé como guia, o célebre médico assumiu procedimentos que nunca haviam sido realizados com sucesso antes e ajudou a abrir novos caminhos na neurociência.

Em um episódio recente do programa ‘Pure Talk’, transmitido pela PureFlix.com, Carson compartilhou as impressionantes maneiras pelas quais Deus o surpreendeu no início de sua carreira, mesmo quando ele chegou a duvidar do poder sobrenatural divino dentro da ciência.

“Eu descobri cedo na minha carreira de neurocirurgião que Deus era um neurocirurgião”, disse Carson, explicando o caso milagroso em torno de um menino que tinha um tumor cerebral inoperável.

Carson disse que os pais da criança tinham “grande fé” de que Deus os havia levado ao Centro Infantil Johns Hopkins, em Baltimore, para que ali ocorresse uma cura sobrenatural, mas Carson tinha pouca confiança de que algo assim pudesse acontecer.

“Os pais tinham grande fé e disseram: ‘O Senhor nos enviou aqui”, disse ele. “Eu disse: ‘Não há nada que eu possa fazer, não há nada que alguém possa fazer sobre isso”.

Mas Carson acabou operando de qualquer maneira, removendo o máximo possível do tumor. Mais tarde, ele foi até os pais e explicou que não poderia remover toda a massa.

Os pais responderam novamente, mantendo a esperança, acreditando que Deus iria curar seu filho. A fé inabalável do casal realmente impactou a vida de Carson.

“Eu disse: ‘Eu nunca vi pessoas com esse tipo de fé’, esperando que o menino se deteriorasse e morresse”, disse Carson.

Nesse ponto, aconteceu exatamente o contrário e o menino começou a melhorar. Depois de realizar mais exames, Carson percebeu que o tumor da criança não estava ligado ao tronco cerebral. Ele realizou outra cirurgia e descobriu que sua teoria estava correta.

Para surpresa de Carson, ele conseguiu remover totalmente o tumor – e salvar a vida do menino.

“Ele saiu do hospital e hoje é um ministro do Evangelho”, disse Carson sobre a criança.

A cura milagrosa foi tão chocante que um oncologista que não acreditava em Deus, mais tarde se aproximou de Carson com um relato surpreendente.

“[O oncologista] disse: ‘Eu nunca fui crente, mas agora eu sou”, disse Carson citando o colega.

Ao final, porém, Carson acredita que a provação foi uma lição para ele, já que ele tinha uma visão alta de si mesmo na época. Ele era um médico que havia alcançado muito em uma idade jovem, mas aquela cura mostrou-lhe que foi Deus quem guiou seu sucesso, e não ele mesmo.

“Eu disse: ‘Senhor, a partir de agora você será o neurocirurgião e eu serei as Suas mãos”, disse Carson.



Fonte: Guia me

Deixe sua mensagem