Conecte-se
Search

Papa Francisco afirma que “ser homossexual não é crime, mas é um pecado”

Maior autoridade da Igreja Católica, o papa Francisco defendeu o fim das leis que criminalizam a homossexualidade em entrevista publicada nesta quarta-feira (25) pela Associated Press. Em contrapartida, o pontífice pediu que a igreja receba a comunidade LGBTQIA+ com ternura.

– Ser homossexual não é crime. Não é crime. Sim, mas é um pecado. Tudo bem, mas primeiro vamos distinguir entre um pecado e um crime. Também é pecado não ter caridade com o próximo – pontuou.

O papa ainda criticou os bispos que apoiam legislações contrárias à homossexualidade, leis essas que ele considera injustas. O líder católico disse que esses bispos precisam de “um processo de conversão”.

– Deus nos ama como somos e pela força que cada um de nós luta pela nossa dignidade – assinalou.

Picture of Rafael Ramos

Rafael Ramos

Deixe sua mensagem