Pastor compara disciplina nas igrejas ao treinamento militar e critica secularismo

O pastor Kevin DeYoung fez uma pregação bastante peculiar durante a abertura da Conferência da Costa Oeste da The Gospel Coalition, realizada em Evfree Fullerton, a cerca de 40 quilômetros de Los Angeles, nos Estados Unidos. O líder evangélico criticou a influência do secularismo nas igrejas e sugeriu que devemos ter uma disciplina semelhante a dos militares.

O pastor Kevin fundamentou sua pregação na passagem de 2 Timóteo 2:3-5, onde lemos o seguinte: “Tu pois, sofre as aflições, como bom soldado de Jesus Cristo. Ninguém que milita se embaraça com negócios desta vida, a fim de agradar àquele que o alistou para a guerra. E, se alguém também milita, não é coroado se não militar legitimamente”.

Kevin explica que o serviço ao Senhor deve ser dedicado com extrema responsabilidade e reverência. Para isso, ele comparou alguns pontos disciplinares dos quarteis da Marinha Americana com uma série de anúncios encontrados em algumas igrejas.

No anúncio das igrejas o pastor identificou chamadas como “uma atmosfera casual”, “pessoas amigáveis ​​que ajudarão você a se orientar”, “a música de hoje”, “um café Starbucks onde você pode relaxar”, “uma zona Wi-Fi para acalmar seu nerd interior” e só então “você descobrirá que é importante para Deus”.

Por outro lado, os tópicos disciplinares da academia militar ressaltam os valores éticos, como “lealdade ao país, equipe e companheiro de equipe”, “servir com honra e integridade dentro e fora do campo de batalha”, estar “pronto para liderar, pronto para seguir, nunca desistir”, entre outros.

Assim, o pastor Kevin explica que apesar de haver fundamento bíblico para uma compreensão mais informal da prática religiosa, não podemos confundir isso com falta de reverência ao Senhor, nos esquecendo que o foco maior da vida cristã é anunciar a Cristo e fazer disso uma verdade em nossas vidas.

“Eu sugiro a você que o código da Marinha tem muito mais linguagem e imagens bíblicas do que este site antiquado da igreja, que diz ‘venha que tudo ficará confortável’”, disse o pastor, segundo informações do Christian Post.



Fonte: Gospel Mais