Pela graça de Deus, dois meninos encontrados encadeados acabam de ser adotados por uma família cristã.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Em 2016, Naomie, 3, e Josiah, 4, tinham-se horrorizado. Sua mãe, Cheryl Reed tinha-os abandonado em um par de amigos, Porucha Phillips e Deandre Dorch. Ali, tinham sofrido agressões durante 2 semanas. Foi o bairro o que começou a soar o alarme após escutar o pranto incessante. Michelle Williams diz:

Pela graça de Deus, dois meninos encontrados encadeados acabam de ser adotados por uma família cristã
Pela graça de Deus, dois meninos encontrados encadeados acabam de ser adotados por uma família cristã

“Ao princípio teve muito pranto. E o pranto fez-se a cada vez mais débil. Como se o bebê estivesse cansado de chorar. Mas segue gemendo porque ao que parece algo andava mau.”

Outra vizinha, Rosemary Alvarado estava em uma escada para ver que estava passando nesta casa.

“Quando olhou acima da perto, acendeu a luz e viu correntes. Viu bebês atados com correntes em seus pescoços”.

E foi com estas correntes que os oficiais de polícia encontraram a Naomie e Josiah. As bonecas de Naomie estavam atadas com uma correia à porta da garagem. Com as mãos sobre a cabeça, não podia ser sentado nem se levantar. Josías foi encadeado ao andar da corte. Deitado de lado, imóvel, estava rodeado por seu excremento. Ambos tinham numerosas feridas com diversos graus de cura, o que atesta os ataques aos que tinham sido submetidos durante 2 longas semanas.

A vida de Naomie e Josiah tomará um giro incrível. Ambos estão colocados em um lar adotivo cristão, em Nealy and Danny. Um dia durante uma adoração, enquanto vê cantar a LaKenya Shaw, Deus fala-lhe a Nealy.

“Em minha mente, escutei a Deus dizer: ‘Estes são os pais que elegi para estes meninos”.

Nealy não sabia nada sobre a briga de LaKenya com seu esposo, Allen, por ter um filho, mas ela decide lhes contar o que acaba de experimentar.

“Em 2016, enquanto criava bebês, levaram-me a falar com LaKenya sobre a necessidade de que estes meninos tenham um lar para sempre, sem conhecer seu desejo nem o desejo de seu esposo de começar uma família. Converteu-se em uma oração provada. Com lágrimas correndo por sua cara, ela respondeu que estes bebês foram desenhados para eles”.

Dois anos mais tarde, um juiz acaba de emitir o tão esperado veredicto. Allen e LaKenya acabam de adotar, não só a Naomie e Josiah, sina também a seu irmão menor, nascido em prisão. A pequena Naomie, encantada, canta no microfone do juiz “¡Sim, Jesus ama você!” E está impaciente por pôr-se o esmalte rosa que sua mãe lhe prometeu. Seu irmão maior, Josiah, diz quanto ama a sua casa e sua cama.

As provas de Cheryl, Porucha e Deandre também tiveram lugar. Kenia foi ali. Desejava abençoar ao homem que tinha maltratado a seus filhos:

“Os meninos são maravilhosos, cheios de vida e curando de suas feridas. Já não estão assustados. São seguros e felizes”.

Kenia também falou com a mãe biológica de Josiah e com Naomie, insistindo também na liberdade para que seus filhos possam voltar a se pôr em contato com ela ou não:

“Não posso imaginar o que é perder a seus filhos. Estão cheios de amor, de vida e de fé. 10 anos não é tão longo Não será completamente esquecido”.

Cheryl Reed foi condenada a 10 anos de prisão, Porucha Phillips aos 50 e Deandre Dorch aos 65.



Fonte: Bibliatodo

Deixe sua mensagem

CENTENAS DE RÁDIOS DE TODO BRASIL NO SEU CELULAR

Portal de comunicação com foco na informação e divulgação de costumes cristãos

Copyright 2021 © Gospel Planet