“Pessoas eram tocadas por Deus nas ruas”

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

A evangelista americana Marilyn Hickey, de 86 anos, ainda está com seu ministério ativo e está testemunhando um despertar espiritual na Mongólia, uma nação asiática localizada entre os territórios da Rússia e da China.

“Então eu pensei que seria difícil, mas há um tremendo avivamento acontecendo. Até as pessoas nas ruas vão falar com você sobre como acontece a salvação”, contou a evangelista ao site Charisma News.

Em maio, Hickey passou pela Mongólia e China com uma equipe de 75 pessoas para pregar o Evangelho. Conhecida pelas grandes cruzadas no mundo islâmico, a evangelista experimentou a inédita liberdade religiosa que surgiu entre os mongols.

“Você não pode dizer a Deus o que Ele não pode fazer. Então, foi um momento muito favorável”, conta Hickey. “De todas as equipes que foram para Ulaanbaatar (capital da Mongólia), nós voltaríamos em um piscar de olhos por causa dessa abertura”.

Desde que a Mongólia se desligou da União Soviética, o país deixou de adotar as regras comunistas e passou a oferecer maior liberdade cultural e religiosa.

Hickey relata que em quatro reuniões em que ela participou, inúmeras pessoas aceitaram a Cristo e muitos milagres acontecerem. “Nós vimos tumores desaparecerem, colunas tortas se endireitarem, pessoas que não sabiam ler conseguindo ler milagrosamente. Quando você conta com 75 pessoas, todos elas têm testemunhos de oração. Nessas viagens de equipe, eu tenho mais do que duas mãos. Eu tenho 75 pares de mãos”.


A evangelista Marilyn Hickey é conhecida pelas cruzadas no mundo islâmico. (Foto: Marilyn Hickey Ministries)

A evangelista afirma que sua equipe também andou pelas ruas do país em oração e muitas pessoas se renderam a Cristo em locais públicos. “Deus nos falou que Ele nos daria o coração das pessoas, e nós vimos os corações das pessoas. Ele também nos falou que derramaria Seu Espírito sobre toda carne, e Ulaanbaatar é parte de toda a carne”, conta Hickey.

Inicialmente, Hickey foi atraída pela Mongólia quando começou a orar pelo país. Embora a Mongólia seja 50% budista, a evangelista tem investido seu tempo de oração nestes povos e incentiva os cristãos a fazerem o mesmo.

“Eu gosto de dizer às pessoas: ‘Não apenas assista às notícias, mude elas’. Quando assistimos ao noticiário, podemos orar pelas nações. Não precisamos apenas dizer: ‘Oh, a vida é assim mesmo’. Então eu digo: mude as notícias”, destaca Hickey.



Fonte: Guia-me

Deixe sua mensagem

CENTENAS DE RÁDIOS DE TODO BRASIL NO SEU CELULAR

Portal de comunicação com foco na informação e divulgação de costumes cristãos

Copyright 2021 © Gospel Planet