Conecte-se

Portador de cegueira total, Adaelson Guimarães emociona com o clipe da canção “Zelador”

Envolvido com a música desde a infância, Adaelson Guimarães tem mais de 50 canções que abrangem temas envolvendo Bíblia, lições pessoais, síndrome de Down, autismo, deficiência visual, luto, martírio e suicídio. Dentre as canções que marcaram o seu ministério, estão “Semente do Sangue”, “Reaviva”, “Marcas da dor” e a gravação do hino 456 da Harpa Cristã – “Ele Sofreu Por Mim”.

Seu mais recente trabalho é a canção autoral “Zelador”, que foi produzida por Leandro Lima e conta com o trio Hedy Barbosa, Paulo Zuckini e Paloma Possi no back-vocal. Disponível nas plataformas digitais, o single aborda o relacionamento de Deus com Seus filhos. Adaelson conta que uma frase deu origem à letra da canção.

– “O irmãozinho abriu a boca e quem falou foi Deus” ecoou em minha mente durante uma noite inteira. Depois disso, eu não parava de pensar no favor imerecido de Deus. De como Ele nivela a todos, presenteando-nos com Sua graça. Eu diria que essa frase sumariou a transcrição da música. Deus se relaciona conosco independentemente de nomenclatura. Contudo, devemos atuar como zeladores de nós mesmos, buscando aperfeiçoar a nossa vida cristã a cada dia, elegendo o Espírito Santo como único, indispensável e supremo guia nesse processo – explica o intérprete.

Quanto ao clipe, Adaelson conta que a ideia inicial era recriar a história descrita na música. Contudo, depois de enfrentarem algumas impossibilidades, outro plano surgiu. A produção do clipe é da Ilha Filmes e a direção de vídeo é de Lucas Senz e Diogo Vieira.

– Entendemos que Deus queria de outro jeito. Curiosamente, os profissionais responsáveis pela direção do vídeo nos contaram sobre um insight que tiveram. Eles me imaginaram mais velho, contando a história da música para os meus netos. E assim foi feito. Criamos uma lembrança, providenciamos os netos e me projetaram mais velho. Tudo ficou lindo – lembra o cantor, que gravou as imagens no Eco Hotel Lago Verde, em Goiânia (GO).

Casado com Marleane Daniel Guimarães, o cantor é portador de cegueira total. Adaelson nasceu com glaucoma congênito, sendo necessário ser submetido a uma cirurgia para desligamento do nervo óptico a fim de evitar as fortes dores que sentia. Atualmente, idealiza o projeto “Biblepedia”, cujo objetivo é tornar a leitura bíblica acessível a grupos menos favorecidos.

– Façamos tudo para a glória de Deus, pois até a singularidade e a interação de cada membro no Corpo de Cristo, desenvolvendo os objetivos unânimes da Igreja, coexistem para uma finalidade: demonstrar a glória de Deus. Assim, Ele transforma deficiência em eficiência, aperfeiçoando-nos para o Seu propósito. Peça ao Espírito Santo que guie você no processo de se aperfeiçoar, para ser zelador de si mesmo, cooperando em tudo no Reino de Deus – finaliza.

Rafael Ramos

Rafael Ramos

Deixe sua mensagem