“Precisamos entender o que realmente importa”, diz Priscilla Alcantara após Brumadinho

14

Uma semana após visitar Brumadinho, que foi atingida pelo rompimento da barragem da Vale, a cantora Priscilla Alcantara falou sobre sua experiência no Instagram. Junto com um grupo de 15 pessoas, ela prestou solidariedade às vítimas da tragédia, que deixou, até agora, 166 mortos e 155 desaparecidos.

“Brumadinho me transformou, porque ali eu entendi o Consolador. Ali eu percebi que ‘meu evangelho’ estava sendo um tanto mesquinho. Ali eu questionei: ‘Será que, como Corpo de Cristo, temos nos importado com o que realmente importa?’”, disse a cantora nesta quarta-feira (13).

“Me lembrei daquele versículo: ‘O coração do sábio está na casa onde há luto, mas o dos tolos, na casa da alegria’. Geralmente somos os primeiros a apontar, julgar, mas temos sido os primeiros a oferecer a mão com a mesma intensidade?”, acrescentou.

Priscilla contou sobre um sonho que teve após questionar a Deus sobre o que está acontecendo no Brasil, diante de tantas tragédias sequenciais. “Enquanto eu dormia, Ele me mostrou uma nuvem imensa parada sobre o Brasil. Era escura, carregada, como uma de terrível tempestade. Eu pedi: ‘Senhor, então sopra essa nuvem para longe do Brasil!’”, disse.

A cantora completou: “Ele continuou a me mostrar coisas dizendo: ‘Depois dessa nuvem terrível, virá uma nuvem de Glória’. Eu, achando que tinha entendido, insisti: ‘Senhor, então sopra essa nuvem terrível e traz a de Glória no lugar!’. E enquanto eu repetia isso, Ele me interrompeu dizendo: ‘Pri, você não está entendendo. Eu não tenho que ‘enviar’ nenhuma nuvem de Glória. Essa nuvem já veio: é a Igreja, o Corpo de Cristo’”.

Em seu texto, ela incentivou os cristãos a terem mais amor pelo próximo e rever suas prioridades. “Se perante todos os últimos acontecimentos não entendemos o que realmente importa, acho que podemos desistir de ser Igreja aqui mesmo”, alertou.

“Não é sobre nossas contas bancárias, não é sobre ter a razão, não é sobre templos lotados, não é sobre fama, não é sobre quem tem mais unção. É sobre cuidar dos órfãos, das viúvas, dos pobres, das crianças, seja no sentido literal ou espiritual. É sobre fazer tudo o que o Pai requer de mim para que o mundo saiba que eu amo o Pai. E porque Ele nos amou, podemos amar também. Vamos amar mais. Ele vem!”, finalizou.



Fonte: Guia me