Conecte-se
Search

Record deixa temas bíblicos para falar de “empoderamento feminino” em novela

Da redação JM

Concorrente da Globo em quesito de novelas, mesmo que com uma audiência menor, a Record supria uma lacuna destinadas aos que não gostam dos conteúdos progressistas das novelas globais, mas a emissora vai dar um “tempo” no tema bíblico, é o que diz o jornalista Flavio Ricco.

A coluna conta que com toda ação no Rio de Janeiro, principalmente no Vidigal e em áreas próximas a ele, a Record se prepara para abrir as gravações de “Topíssima”, novela escrita por Cristianne Fridman e com a primeira direção-geral de Rudi Lagemann, o Foguinho.

+ Novela da Globo exibe o primeiro beijo gay entre garotos

Com a exibição de “Topíssima”, substituta da reprise de “A Terra Prometida”, será dada uma pausa na sequência das novelas bíblicas, para se retomar o investimento em folhetins tradicionais. Tudo gira em torno de uma jovem bem-sucedida, Sophia Alencar, papel de Camila Rodrigues, que se apaixona por um rapaz pobre e humilde, Antonio Ramos, interpretado por Felipe Cunha. O empoderamento feminino será um tema recorrente na trama, ainda sem data de estreia definida.

“Topíssima” tem previsão de estreia para maio.



Fonte: JM Noticias

Deixe sua mensagem