Roqueiro Alice Cooper agora usa seu testemunho para alcançar os jovens

16

Uma das figuras mais emblemática do mundo do rock, Alice Cooper tem sido cada vez mais um exemplo de transformação não apenas para seus familiares, mas para centenas de jovens que, assim como ele, se deixaram levar pelo caminho das drogas e de uma vida sem a presença de Deus.

Convertido ao Evangelho de Jesus Cristo há vários anos, Cooper concedeu uma entrevista recente ao pastor Greg Lauri, líder da igreja ‘Harvest Christian Fellowship’, na Califórnia, EUA.

A entrevista ocorreu em um local chamado ‘Solid Rock’, fundado por Alice Cooper em 1995. Se trata de um espaço onde são oferecidas aulas de música para jovens que passam por dificuldades, por exemplo, com o abuso de drogas, além de outros serviços de apoio e localizada em Phoenix.

Cooper, que já sofreu com a dependência química, disse que em dado momento percebeu que Deus havia lhe incomodado para iniciar o projeto, junto com outros amigos. “O Senhor nos chamou, nos disse para fazer isso. Então nós apenas obedecemos. Isso é tudo”, disse ele.

Tudo começou quando Alice Cooper viu na rua dois adolescentes servindo ao mundo do tráfico. “Eu vi alguns garotos de 16 anos traficando drogas na esquina e perguntei: ‘Como aquele garoto não sabe que ele pode ser um grande guitarrista? Ou aquele outro garoto pode ser um grande baterista?’ E só me ocorreu então: ‘por que não abrimos isso? por não damos a eles essa alternativa para irem até lá?”, disse o cantor.

Essa decisão, porém, foi a consequência de outra mais importante que mudaria a sua vida para sempre: aceitar a Cristo como único e suficiente Salvador. Se Cooper não tivesse tomado tal decisão, às drogas iriam lhe consumir até à morte.

“Eu sabia que tinha que chegar a um ponto em que ou eu aceitava a Cristo e começava a mudar de vida ou morreria neste [pecado]. Eu estava com muitos problemas”, disse ele, segundo o Christian Headlines. “E foi isso o que realmente me motivou”.

Greg Laurie também falou de como Cooper mudou ao longo dos anos. De um roqueiro sem Deus que explorava cenas bizarras durante seus shows, capaz de vender 50 milhões de cópias no mundo inteiro, mas vazio de espírito e dependente das drogas, para alguém espiritualmente são e livre dos vícios.

“Ele é um seguidor fiel de Jesus Cristo e tem sido por muitos anos. Alice foi criado em um lar cristão. Na verdade, o pai dele é pastor. Nós todos sabemos que ele se desviou e se meteu em um monte de problemas, na verdade, quase destruiu sua vida através do álcool e das drogas. Mas ele fez um novo compromisso com Cristo. E ele anda com o Senhor há muitos anos”, disse Laurie.

 



Fonte: Gospel Mais