Conecte-se

Uma alternativa para a ira


Certa manhã, um jovem descobriu que o seu carro tinha desaparecido. Em seguida percebeu que tinha estacionado em zona restrita e seu veículo tinha sido rebocado. Depois de considerar a situação e na quantia enorme que pagaria de multa, reboque e estacionamento, sentiu-se frustrado. Mas decidiu não se irritar com a pessoa que o ajudaria a recuperar o seu carro. Em vez de externar sua raiva, ele escreveu um poema bem-humorado sobre a situação e o leu para o funcionário que ele conheceu no pátio de reboque. O trabalhador gostou do poema, e assim evitou um confronto mais rude.

Provérbios nos ensina: “Honroso é para o homem o desviar-se de contendas…” (20:3). A contenda é aquele atrito que ou explode sob a superfície ou em aberto entre as pessoas que discordam sobre algo.

Deus nos deu os recursos para viver em paz com outras pessoas. Sua Palavra nos assegura que é possível sentir ira sem deixá- -la explodir em raiva (4:26). Seu Espírito nos permite substituir as faíscas da fúria que nos levam a atacar as pessoas pelo autocontrole. E Deus nos deu o Seu exemplo a seguir quando nos sentimos provocados (1 Pedro 2:23). Ele é compassivo, misericordioso, e lento para se irar, cheio de amor e fidelidade (Salmo 86:15).

Seja lento para irar-se.



Fonte: Pão Diário

Administrador

Administrador

Deixe sua mensagem