“Vocês oram durante a semana?”

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

O que faz uma igreja saudável? Essa pergunta, que para alguns aparenta ser muito simples, foi abordada pelo pastor Tim Challies, líder da igreja Grace Fellowship em Toronto, no Canadá, o qual apresentou características que apesar de comuns para muitos cristãos, não são muito enfatizadas em nossos dias.

“Sua igreja gosta de orar? Precisamos de igrejas que oram, e temo que poucas igrejas são intercessoras. Vocês oram durante a semana? Sua igreja se reúne para orar? A oração é instrumental ou apenas suplementar?”, questionou o pastor.

Challies diferencia a igreja fundamentada na Bíblia da que é fruto de outros interesses, como por exemplo, o interesse comercial, onde a maior preocupação é crescer em número de pessoas, tamanho do templo e em atividades que não visam a proclamação do Reino de Deus, mas do entretenimento ou da prosperidade financeira, por exemplo.

“Você está vendo pessoas chegando à fé de fora da igreja? Muitas igrejas têm um enorme crescimento interno, mas pouco crescimento externo. Queremos ser uma igreja que está cumprindo o ide e ver as pessoas se voltando para Cristo”, disse o pastor, orientando que para uma igreja ser saudável ela precisa possuir os valores da Bíblia.

“Temos que perceber quais são os valores da Bíblia”, disse ele, ressaltando que o foco da congregação deve estar naquilo “que Deus mais valoriza”. Assim, Challies diz que uma vez identificados os valores de Cristo, segundo a Bíblia, devemos sempre fazer a pergunta: “A nossa igreja está combinando com isso?”.

Para o pastor, ao mesmo tempo em que a igreja precisa cumprir o “ide” de Cristo, evangelizando pessoas fora do templo, ela também precisa cuidar dos que já estão dentro. Além de refletir o amor de Cristo, essa postura nos permite influenciar a comunidade onde a igreja reside e assumir a identidade local.

“Um dos nossos ideais como cristãos é que nossas igrejas reflitam nossa comunidade, porque isso mostra que estamos alcançando as pessoas ao nosso redor. Deus nos colocou em locais geográficos, esperamos alcançar as pessoas ao nosso redor”, diz o pastor.

Finalmente, Challies aponta que a união dos membros é um sinal de saúde na igreja. “Um corpo não quer ser desarticulado, mas ser unido”, disse ele, segundo informações do Christian Post.



Fonte: Gospel Mais

Administrador

Administrador

Deixe sua mensagem

ouça a melhor rádio do brasil no seu celular

Portal de comunicação com foco na informação e divulgação de costumes cristãos

Copyright 2021 © Gospel Planet